Kingdom Hearts 1.5 + 2.5 ReMix

PS4

R$ 93,39
Licença
-
+
Marcadores / / / /
Descrição



Review Kingdom Hearts HD 1.5

 
Kingdom Hearts HD 1.5 ReMIX é a remasterização em alta definição dos primeiros jogos de Kingdom Hearts, com versão exclusiva para PlayStation 3. O jogo, ou pacote de jogos, traz de volta boas memórias para os fãs da franquia, ao mesmo tempo em que se torna o modo ideal de apresentar aos novos jogadores a série que foi iniciada no PS2.​
Kingdom Hearts HD 1.5 ReMIX é, na realidade, um pacote de jogos que inclui Kingdom Hearts Final Mix, um relançamento em HD do primeiro jogo da franquia para Playtation 2, com novos conteúdos, novas áreas para visitar e novos inimigos; Chain of Memories, um remake da versão do Playstation 2 que por sua vez é um remake do mesmo jogo lançado para Game Boy Advance e 358/2 Days, que na realidade é um vídeo de quase três horas com a história do jogo 358/2 Days, exclusivo para Nintendo DS.
 

Jogabilidade clássica

Kingdom Hearts HD 1.5 ReMIX  apresenta poucas novidades para quem já jogou os games anteriores. O primeiro KH continua com seu estilo marcante e combates em tempo real. Apesar de parecer algo trivial, esse modo de jogar foi um dos responsáveis pelo sucesso do primeiro game. Até então, a Square Enix não tinha problemas com o modelo de jogabilidade em turnos, que se mostrou pouco popular nos anos seguintes. Apesar da mudança bem-vinda, o jogo apresentava, e ainda apresenta, alguns problemas com relação à câmera que costuma se posicionar em lugares estranhos.
Em Chain of Memories, a jogabilidade é um pouco diferente e mistura combates em tempo real com turnos. Originalmente lançado como um jogo 2D para Game Boy Advance, o remake em 3D utiliza um sistema de batalhas com cartas. Esse modelo é mais rápido do que em jogos de combate com cartas normais e a profundidade e quantidade de cartas para construir um bom baralho tornam Chain of Memories um pouco mais desafiador, pelo menos na curva de aprendizagem.

 

Repaginação no Visual

O grande chamariz para quem quer se aventurar pela primeira vez no universo que mistura Disney e Square Enix, é, com certeza, o apelo visual. O game recebeu um belo upgrade nas texturas, mas os modelos dos personagens permanecem os mesmos. Os cenários também foram repaginados e agora mostram uma grande riqueza de detalhes. As cores vibrantes do game tornam-se ainda mais chamativas graças as TVs atuais.
Mas essa repaginação no visual, baseado em dois jogos do PlayStation 2, foi de certa forma fácil. Segundo o próprio criador da série Tetsuya Nomura, apenas dois programadores trabalharam no projeto e dedicaram quase um ano para dar vida à remasterização.Kingdom Hearts é um dos títulos de RPGs recentes com fãs mais fervorosos ao redor do mundo. A criatividade da Square Enix em conjunto com o universo da Disney, chocou os jogadores que não esperavam que algo de bom saísse de tal união. Não apenas bons, os três jogos presentes no pacote são excelentes e apresentam uma história profunda de amizade que se desdobra em sete jogos espalhados por várias plataformas.
A direção de arte única de Tetsuya Nomura se destaca por dimensionar Kingdom Hearts de forma distante de outros jogos de RPG, tanto japoneses como ocidentais. Tal diferenciação fica mais evidente ainda nos dias atuais, tornando a experiência dos jogos da série Kingdom Hearts algo único.

Review Kingdom Hearts HD 2.5 remix

 

Kingdom Hearts HD 2.5 Remix chegou ao mercado como mais uma ”remasterização” lançada no PS3, novamente contemplando os fãs da saga Kingdom Hearts, e contendo alguns dos jogos favoritos dos fãs. Após o sucesso da versão “1.5”, era de se esperar pelo lançamento desta, que está tão boa quanto a primeira edição.

Sucesso por décadas

Kingdoms Hearts está presente desde a época do PS2, quando Disney e Square Enix resolveram unir forças, inesperadamente, para criar um jogo único e extremamente inesperado. Afinal, quem poderia aguardar por um embate entre o Pato Donald e Sephiroth, o vilão de Final Fantasy 7, considerado por muitos um inimigo sanguinário e frio?
Foi com essa premissa que Kingdom Hearts nasceu e fez sucesso, a ponto de gerar diversos games, em várias plataformas. Com as edições “1.5” e “2.5” HD Remix, a produtora Square Enix visa unir todas as edições em uma única plataforma, por enquanto o PS3, contendo toda a história e o visual em alta definição

 

Nesta nova versão, Kingdom Hearts HD 2.5 Remix, seguimos de perto a continuação da história de Sora, protagonista da série que deve lutar contra as trevas e utilizar sua arma, a Keyblade, que une chave com lâmina, além da inclusão de novos personagens, como Roxas, uma espécie de “alter ego” de Sora.
A história principal segue a partir do também principal título desta compilação, que apresente dois jogos completos e uma espécie de “filme”, que resume um terceiro jogo apenas com animações. O principal game do pacote é Kingdom Hearts 2, lançado originalmente no PS2. Além dele temos Kingdom Hearts: Birth By Sleep, que saiu primeiro no PSP, e o “filminho” de Kingdom Hearts Re:Coded, que era um jogo de Nintendo DS. Apesar da presença de Re:Codedser representada apenas como uma animação não-interativa, cremos que essa possa ter sido a melhor forma de incluir sua participação na coletânea. Acontece que o game original tem gráficos bem limitados, com qualidade superior apenas não cenas que não são interativas, as mesmas que foram reaproveitadas por aqui. Transpôr o game por inteiro seria um trabalho desgastante e o visual não seria compatível, claro.

 

Jogabilidade mágica

A jogabilidade dos dois títulos presentes e jogáveis ficou muito bem adaptada. Em relação a Kingdom Hearts 2 não havia muito mistério, já que os controles do PS2 e PS3 são virtualmente idênticos. Já a edição Birth By Sleep poderia dar um certo trabalho, mas não passou nem perto disso. Os comandos do PSP soaram naturais no DualShock 3, apenas com alguma pequena adaptação, como no controle de câmera que, aliás, está bem mais fácil!
Claro que a batalha ainda traz um desengonçado sistema de trava de mira nos inimigos para que seus golpes saiam conforme o desejado, e isso nos dois jogos, mas não há muito a se fazer sobre isso, a não ser se acostumar, da mesma forma que nos acostumamos em seus respectivos lançamentos originais. Os games foram remasterizados e não modificados.Por isso mesmo outra possível decepção seja a falta de novidades na jogabilidade. É verdade que estas reedições foram baseadas nas versões “Final Mix”, antes exclusivas do Japão, e que trazem alguns pequenos extras na história e nas batalhas, mas, além disso, o jogo em si não muda, o que pode prejudicar quem espera algo totalmente inédito.

 

Gráficos nível Pixar?

Sabemos que todos os jogos contidos neste relançamento são antigos e, por mais que eles sejam remasterizados e com toda a qualidade possível, eles nunca serão equiparados a games de última geração. Pode-se dizer que sim, estão bonitos, mas não chegam a ser um “desenho da Pixar”, como muitos gostam de classificar.
O que pode se esperar desta compilação é um trabalho visual primoroso, principalmente em Birth By Sleep, que é o título mais recente nela contido. Além disso, o som também está caprichado, com boas vozes para os personagens e músicas que acompanham a qualidade da remasterização, já que também estão em um alto e bom som.

Conclusão

Kingdom Hearts 1.5 + 2.5 ReMix é a compilação certa para quem quer conhecer a série agora ou quer guardar para a posteridade esta que é uma das sagas mais queridas da atual Square Enix. Além de ter todo o capricho visual, os jogos têm boas adaptações nos controles e som de qualidade. É verdade que alguns problemas originais persistem, mas não devem estragar a experiência de quem busca reviver as histórias.



    Especificações
    • Áudio: Inglês
    • Legenda: Inglês
    • Tamanho: ---

    Trailer
     


    Gameplay
     


    Tipos de Licença

    Avalições

    Based on 1 review Escreva uma avaliação

    Produtos vistos recentemente