Just Dance 2015

PS4

Just Dance 2015

Disponibilidade: Em estoque
R$ 49,90

Just Dance 2015 é o mais novo game da franquia de dança da Ubisoft – o sexto desde que foi lançado em 2009. Mais uma vez, você poderá se divertir sozinho, online ou com amigos ao imitar coreografias variadas, através de uma jogabilidade simples e que garante altas doses de diversão.
A mais recente versão do game continua investindo pesado em hits do momento, mesclando-os com canções clássicas, músicas regionais e tops de sucesso de outras épocas. Mas será que Just Dance continua mantendo o fôlego ao longo dos anos?

É tudo igual, mas tudo bem

Just Dance mantém um núcleo central que garante o sucesso do game, composto basicamente por hits de sucesso, coreografias divertidas e um sistema de pontuação. Esse tripé sofreu poucas alterações desde o começo da franquia e é o responsável pela base fiel de jogadores.

 

O lançamento de um novo Just Dance é celebrado principalmente pelo arsenal de música que estará coreografado para os jogadores dançarem, o que indica que o game não pode e nem deve sofrer alterações drásticas – pelo menos não por enquanto, enquanto a fórmula ainda não está gasta.O fato é que as pessoas querem esses elementos tradicionais. Por isso, a Ubisoft acerta em cheio ao não alterar a base mecânica de jogo, acrescentando apenas inovações ao seu redor, como nesta versão, que torna o game mais social.

E o que nós queremos? Músicas!

Apresentar um repertório de músicas variado e que está nas paradas de sucesso já é um mantra que deve estar fixado no mural dos desenvolvedores da Ubisoft, já que a lista de canções é a novidade mais esperada em cada lançamento – Just Dance 2015 não deixa a desejar neste quesito.O título conta com uma boa lista de músicas, entre elas canções recentemente lançadas, como é o caso de Bang Bang, de Jessie J, Nicki Minaj e Ariana Grande, Maps, do Maroon Five, e Bailando, de Enrique Inglesias.
Além disso, diversas músicas que fizeram sucesso ao longo do ano pintam no game, como o grande hit Let It Go, do filme Frozen, She Looks Perfect, do 5 Seconds of Summer, Best Song Ever, do One Direction, Burn, de Ellie Goulding, Dark Horse, da Katy Perry, Problem, de Ariana Grande, e I Love It, de Icona Pop e Charli XCX.
Há ainda diversas canções mais antigas de sucesso, como Bad Romance, da Lady Gaga, e a famosíssima Macarena, do The Girly Team, além de músicas exóticas, como The Fox, do Ylvis, músicas clássicas, como Only You (Only Yooooooou), do Love Letter; e até uma música de Natal indiana (XMas Tree, do Bollywood Santa).

 

O jogo claramente continua oferecendo opções para as mais variadas pessoa e inúmeros gostos. Mesmo contando com uma versão para crianças (o Just Dance Kids), o game tem também coreografias para os pimpolhos e músicas para idosos, por exemplo.Essa base de músicas é um grande acerto de Just Dance 2015. A Ubisoft sabe que o público do seu game é bem casual e variado, e por isso precisa refletir isso na escolha do acervo que compõe o game, para que todos tenham seu momento de dançarinos em frente à TV.

Primo, mãe, vó, gato, cachorro, passarinho, papagaio

Não importa se você é do tipo que gosta de dançar casualmente ou prefere treinar até atingir a perfeição: independente da sua escolha, Just Dance 2015 continua apresentando coreografias tanto para quem quer descontrair quanto para quem quer pegar pesado.

 

Um grande exemplo disso são as coreografias criadas para “Bad Romance”. A versão original do jogo possui uma dificuldade normal, relativamente fácil de ser acompanhada, enquanto a versão oficial do clipe da Lady Gaga é de uma dificuldade imensa, com movimentos rápidos e complexos.
E, assim como em Just Dance 2014, cada música apresenta versões alternativas de coreografias, que podem ser compradas com Mojo – a moeda do game – ou conquistadas conforme você dança e obtém pontuações altas. Dá até para dançar sentado!


 

Mesmo as coreografias para duplas, trios ou quartetos oferecem níveis diferentes de dificuldade. Enquanto “She Looks So Perfect”, do 5 Seconds Of Summer, tem um estilo coreográfico mais “leve”, “Best Song Ever”, do One Direction é muito mais exigente e trabalhosa. E tem também as coreografias “on stage”, que colocam você no centro das atenções, com dançarinos de apoio à sua volta (os outros jogadores).Há coreografias ainda mais simples, como a de “Don’t Worry, Be Happy”, do The Bench Men, com passos bem simples e lentos, e coreografias mais “zueiras”, como Tetris, do Dancing Bros, que exige uma movimentação mais “arcade”.

 

Mais uma vez, a Ubisoft prova que consegue agradar ao público-alvo do game, que é bem abrangente – engloba crianças, adolescentes, adultos e idosos.Just Dance continua apresentando o mesmo estilo de pontuação desde sua primeira versão, com poucas mudanças ao longo dos anos. E o mesmo acontece com Just Dance 2015. Você ganha pontos toda vez que acerta os passos e pode conquistar estrelas  conforme bate determinados níveis numéricos.

 

Além disso, cantar pode fazer a diferença em algumas versões para determinadas plataformas, como o Xbox One. Algumas coreografias, inclusive, contam com modos exclusivos para uma única pessoa cantar e as demais dançarem, conferindo pontos adicionais. É uma ótima oportunidade para melhorar o seu inglês ou apenas curtir a letra da música.Seus passos continuam sendo avaliados como incorretos, razoáveis, bons ou perfeitos. É uma fórmula que não tem como alterar muito, já que outro tipo de métrica poderia ser menos exata. Além disso, os jogadores já estão acostumados com esse sistema. Portanto, ponto para a Ubisoft.O único ponto negativo desta versão do game é que, no caso do Xbox One (o video game usado para nossos testes), o sensor confundiu os participantes do jogo e trocou suas pontuações em alguns casos durante nossa avaliação.


 

Dança dos famosos

É claro que essa tríade por si só não sustentaria o game ano após ano. Por isso, a Ubisoft adicionou diversas novidades aos longos do tempo, e com a versão 2015  não é diferente. E o grande diferencial deste Just Dance é que ele está mais social do que nunca.
O título conta com a participação dos usuários através de vídeos. O recurso Autodance, por exemplo, foi levemente remodelado e continua lá no final das coreografias, mostrando alguns trechos da dança através de um vídeo criado automaticamente, garantindo a diversão dos jogadores.

 

Você pode salvar seus vídeos na memória do video game, compartilhá-los com o jogo ou mesmo com o Facebook. Além disso, é possível fazer algumas edições rápidas no vídeo, como aumentar a cabeça dos dançarinos e inserir diversos elementos divertidos.
O novo recurso Community Remix permite aos jogadores tornarem-se coreógrafos. Com a câmera do seu console (exceto Wii e Wii U), você poderá gravar sua performance de uma música selecionada. A comunidade votará nas apresentações favoritas e a equipe de desenvolvimento criará uma versão remix jogável com 15 a 30 jogadores do mundo todo.

 

Trata-se de uma funcionalidade bem interessante e divertida para quem não se preocupa em obter altas pontuações, já que a grande variedade de trechos de vídeo e os passos nem sempre exatos podem fazer você ter um fraco desempenho.
Porém, o Community Remix tem uma acurácia bem falha. Em nossos testes, chegamos a ficar parados sem realizar qualquer movimento e mesmo assim o jogo deu notas como “OK”, “Good” e “Perfect”. Quem não liga muito para isso vai adorar as apresentações criadas.

 

Desafios em todos os cantos

Just Dance deixou de ser uma competição local entre pessoas presentes há muito tempo. Prova disso é modo Challenger introduzido nesta edição, que permite a você competir com seus amigos e pessoas online mesmo que eles não estejam fisicamente ou online juntamente com você.
Em todas as músicas você poderá acompanhar o desempenho de seus “adversários”, um prato cheio para quem gosta de competição. E o recurso pode ser ativado e desativado na própria tela de cada coreografia. A escolha dos oponentes é automática, feita pelo próprio jogo.

 

Além de conferir o ranking local em cada uma das músicas, você poderá conferir um ranking semanal do seu país e do mundo, estimulando novamente a competição, já que você tem chances de figurar lá toda semana.
Você ainda pode ser desafiado por oponentes do mundo todo em cada uma das músicas. Geralmente, os desafiantes conquistam pontuações bem altas, o que exige um alto nível de perfeição de cada um dos players.

 

Ou seja, mesmo que você dance sozinho em casa, poderá disputar contra outros jogadores de diversas maneiras (e não apenas no modo World Dance Floor). Essas mudanças são muito positivas para o jogo, pois deixam Just Dance 2015 mais competitivo para quem joga sozinho.
Porém, a maior ausência do game está na impossibilidade de chamar um amigo para dançar online “mano a mano”, digamos assim. A única opção de dançar ao mesmo tempo com alguém que faz parte da rede de amigos do seu console é através da World Dance Floor.

A pista de dança mundial

 

O modo multiplayer introduzido em Just Dance 2014 está de volta, com a competição World Dance Floor. Através dela, você também poderá competir, mas desta vez com pessoas online em tempo real, participando de uma equipe que deverá derrotar sua rival. A competição também conta pontos para o ranking mundial.
A grande falha desse sistema multiplayer é que a única interação entre jogadores é através de pontos, disputando para ver quem é melhor. Não existem chats, compartilhamento de vídeos entre players ou qualquer outro recurso social, o que mostra que este modo de jogo não evoluiu nada desde Just Dance 2014.

 

Entretanto, isso não significa que ele não seja divertido. Com World Dance Floor você tem a sensação de estar em uma pista mundial e sente-se motivado a bater outros usuários na competição, exigindo mais esforço em coreografias cada vez mais perfeitas.

Sem limites

Outra novidade desta edição é que um número ilimitado de pessoas poderá jogar Just Dance 2015 através do aplicativo Controller, lançado para Android e iOS. O seu funcionamento é simples: basta apenas baixar o app, conectar ao video game, escolher a música e jogar. Porém, ao escolher esse método de controle, o Kinect é desativado.

 

Para funcionar corretamente, o Controller baixa todas as coreografias do jogo e é a partir dele que seus movimentos serão detectados de forma que a pontuação seja computada. E o mais legal é que o aplicativo permite que uma quantidade ilimitada de pessoas possa jogar.
Porém, ele não é tão agradável de segurar como o PS Move, do Playstation 3 e o Wii Remote, do Wii e Wii U. Na mão ele fica um pouco desconfortável, porque, obviamente, não foi planejado para isso. Entretanto, para brincar com a galera em uma festa, por exemplo, é uma ótima pedida.

Suando menos

Infelizmente, Just Dance 2015 perdeu algumas habilidades nesta versão. O modo Sweat, por exemplo, foi reduzido apenas a uma opção que permite ou não contar calorias durante as coreografias. Não é mais possível estabelecer metas e nem verificar gráficos do seu desempenho.

 

Entretanto, um novo modo permite a você dançar freneticamente por um tempo determinado, sem parar, que pode ser de 10 minutos, meia hora ou 1 hora. É possível escolher o tempo que quer dançar e quais músicas que deverão tocar. É algo similar ao antigo modo Sweat, mas sem as funções de metas que eram muito apropriadas para quem usava o video game para emagrecer, por exemplo.

Cenários de encher os olhos

A evolução dos cenários que compõem as coreografias de Just Dance mostra que eles foram sendo aprimorados ao longo dos anos; na versão 2015, estão mais bonitos do que nunca. Diversos deles receberam uma produção grandiosa, como Maps, do Maroon Five, Bang Bang, de Jessie J, Nicki Minaj e Ariana Grande, Birthday, da Katy Perry, e Black Window, da Iggy Azalea.
Temos ainda o primoroso cenário de Dark Horse, da Katy Perry, com ambientes egípcios e psicodélicos que se alteram durante a partida, além de animações fantásticas, tanto dos dançarinos como dos elementos de cena, um dos trabalhos visuais mais bonitos de toda a história do Just Dance.

 

Honrando a fama

Just Dance 2015 é mais do mesmo. Mas que fique claro: isso não é nem um pouco ruim. O fato do game manter aquilo que vem dando certo há seis anos é um acerto da Ubisoft, que busca inovar ao redor do núcleo central, composto pelas coreografias, hits de sucesso e pontuação.
Just Dance 2015 é mais social, ao permitir que as pessoas participem das coreografias oficiais do jogo e votem nos melhores vídeos, aceitem desafios propostos por outros jogadores e dancem com outros oponentes do mundo todo, mesmo no modo single player.
Além disso, a pista de dança local pode ser expandida com o uso de celulares como controle, uma das maiores inovações desta versão, que é ótima para ser usada em encontros de família ou amigos, por exemplo. Munidos de seus smartphones, todos poderão entrar na competição, e não apenas os quatro jogadores limite.

 

Em nossos testes, poucos problemas foram encontrados, sobrando diversão com coreografias bem montadas para todos os gostos, embaladas em hits do presente e do passado. E a disputa enraizou-se por todos os lugares, de várias formas, tornando a jogatina mais desafiante para quem gosta de competição.
O game continua bonito, tanto em sua interface como nos cenários das danças. Todos esses elementos devem garantir mais uma vez o sucesso de Just Dance que mantém uma fórmula consagrada e se adapta às novas gerações, proporcionando muito mais interatividade.

  

  • Legenda: Português BR
  • Audio: Inglês
  • Tamanho: 15,6 GB
 
 

Avalições

Based on 1 review Escreva uma avaliação