Digimon World: Next Order

PS4

Digimon World: Next Order

Disponibilidade: Em estoque
R$ 99,90
 
.

Digimon World: Next Order é o novo jogo exclusivo para PS4 baseado no anime que foi sucesso no Brasil nos anos 2000. Publicado pela Bandai Namco e desenvolvido pelo B.B. Studio, o game incorpora os principais elementos da série Digimon World, disponível para PlayStation, com destaque para o sistema de treinar e cuidar das criaturas digitais.

Nostalgia no Mundo Digital

Next Order apresenta dois heróis selecionáveis no início da jornada: Takuto e Shiki. Um dos jovens é transportado ao universo digital após sete anos no mundo real. A partir daí, o personagem inicia uma investigação para desvendar o caos provocado pelos "Machinedramons", que marca o início de uma geração de criaturas descontroladas.

Digimon World: Next Order: confira a análise (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)Digimon World: Next Order: confira a análise

A premissa básica de retornar ao "Mundo Digital" não é novidade para ninguém. A história, apesar de ter cenas caprichadas em momentos pontuais, não empolga. O enredo até tem potencial, mas é raso, confuso e sonolento, com diálogos genéricos e desinteressantes.
Diferentemente do excelente Digimon Story: Cyber Sleuth, lançado em 2016, cujo principal atrativo é mesclar uma boa história e exploração à la Persona, Next Order é voltado à relação entre treinador e Digimon, seja no combate ou fora dele. O personagem deve alimentar, cuidar e dar conta de suprir as necessidades de seus dois monstrinhos como se eles fossem bichos de estimação.
Assim como nos jogos clássicos, os Digimon manifestam novos desejos a todo momento. Dar comida, curar ferimentos e colocar os Digimon para dormir no horário certo, por exemplo, são apenas algumas das tarefas cruciais que um treinador deve cumprir diariamente. Um Digimon feliz e satisfeito com seu dono é capaz de evoluir para uma criatura mais forte.

Digimon World: Next Order: Machinedramons provocam o caos no Digimundo (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)Digimon World: Next Order: Machinedramons provocam o caos no Digimundo
 

Cuide bem do seu Digimon

Na contramão dos típicos jogos de colecionar monstrinhos, Next Order torna a relação entre treinador e Digimon muito mais próxima. O personagem acompanha o crescimento de seus monstros digitais desde o nascimento – a partir de um ovo – até o último dia de vida, já que há um contador de tempo para registrar os dias.
Uma vez que o Digimon morre, é preciso escolher um Digi-Egg e evoluir uma nova criatura do zero, o que torna a jogabilidade mais dinâmica e acrescenta um fator surpresa agradável. Felizmente, a aventura é suficientemente divertida graças aos seus sistemas de evolução e progressão.
Ao subir de nível com o personagem principal – os Digimon, no entanto, evoluem apenas em atributos e não são categorizados em níveis –, novas habilidades são desbloqueadas, como recursos para coletar materiais e itens melhores no mundo do jogo. Não se engane: Next Order é um RPG nos moldes clássicos. Ou seja, é preciso gerenciar o inventário o tempo todo para administrar objetos essenciais aos Digimon.

Digimon World: Next Order traz mais de 200 criaturas digitais (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)Digimon World: Next Order traz mais de 200 criaturas digitais
 

O combate automático é um tanto diferente. Ele é cadenciado e estratégico, o que deve agradar aos fãs de sistemas clássicos por turnos. A mecânica aparenta ser simples e acessível, mas requer táticas elaboradas e ações executadas nos momentos certos. Os Digimon se movimentam automaticamente dentro de uma arena, mas cabe ao jogador escolher os golpes e combos acionados no campo de batalha.Assim que os monstrinhos alcançam sua forma Ultimate, mais evoluída, o grau de complexidade dos confrontos é consideravelmente amplificado. Isso porque surgem inimigos mais fortes, que promovem encontros mais longos e exigem métodos elaborados de ataque. As batalhas, raramente emocionantes, são ativadas ao encostar em um Digimon rival, portanto é possível escapar ao buscar atalhos no ambiente.
Depois de algumas dezenas de horas imerso no Digimundo, o combate simplificado passa a ser maçante por conta da pouca variedade de movimentos de cada monstro. Além disso, há problemas com a locomoção dos personagens e animações que deixam a desejar no quesito capricho.

Digimon World: Next Order: é preciso cuidar e treinar os Digimons (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)Digimon World: Next Order: é preciso cuidar e treinar os Digimons

Visual fiel ao anime, mas com ressalvas

Apesar de apresentar um visual mais atual inspirado nos animes, o título peca no nível de detalhes, com ambientes restritos a áreas pequenas, vazias e com poucos objetos de composição. Por ter sido lançado originalmente no Japão apenas para o portátil PlayStation Vita, é natural que o gráfico não seja equivalente ao de um jogo mais moderno da atual geração.
Mesmo com cenários reciclados e um mundo aberto genérico, os Digimon, por outro lado, são bem feitos e fiéis ao anime. O ponto negativo é que a lista de criaturas é bastante limitada, tendo em vista que ela considera versões diferentes de um mesmo Digimon, como os monstrinhos em forma black.

 

Conclusão

Digimon World: Next Order não reinventa a franquia originada no PS1, mas é um prato cheio para quem gosta de RPGs nos moldes clássicos. Ainda que o título não consiga satisfazer na parte visual – sendo também bastante limitado em estrutura de jogo –, o divertido sistema de relacionamento é altamente viciante e faz valer a experiência.

  

  • Legenda: Inglês
  • Audio: Inglês / Japonês
  • Tamanho: 11,2 GB
 
 

Avalições

Based on 1 review Escreva uma avaliação